Dois milhões de brasileiros ainda não sacaram o PIS/PASEP

0
871
De acordo com o Ministério do Trabalho, cerca de 2 milhões de trabalhadores ainda não sacaram o Pis/Pasep de 2015. O valor acumulado chega a R$ 1,7 bilhão.
A região sudeste lidera a lista dos trabalhadores que não sacaram o abono do Programa de Integração Social (PIS) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep). O maior número de pessoas está concentrado em São Paulo (684.937), seguido por Minas Gerais (197.428) e Rio de Janeiro (180.639).
O benefício ficará disponível até o dia 30 de junho e equivale a um salário mínimo (R$ 880). O saque pode ser feito no Banco do Brasil, no caso do Pasep, e nas agências da Caixa Econômica Federal ou casas lotéricas, no caso Pis.
Em São João Nepomuceno, as agências funcionam de 9h às 15h.O Banco do Brasil fica na Praça Barão do Rio Branco, 66, e a Caixa na rua Duque de Caxias, 150.
Quem tem direito?
Para receber o abono, o funcionário precisa estar cadastrado no PIS/Pasep há, pelo menos, cinco anos e ter exercido atividade remunerada, no mínimo, durante um mês. Além disso, não pode ter recebido mais do que dois salários mínimos no ano-base.
O Programa de Integração Social (PIS) e o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP) são contribuições sociais, devidas pelas empresas, com o objetivo de financiar o pagamento do seguro-desemprego e abono. O PIS é destinado aos funcionários das empresas privadas e o Pasep aos servidores públicos.
Mais informações, acesse.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Entre com seu nome por favor